Você pode ouvir a dica completa no player abaixo. Dê um play!

    É o profissional que atua com a prestação de serviços para: instalação, manutenção, reparos, testes, diagnósticos e oferta de soluções tecnológicas que envolvam equipamentos de segurança eletrônica para melhoria na proteção pessoal e patrimonial das residências, empresas, indústrias, clínicas, hotéis, órgãos públicos e demais estabelecimentos comerciais, contribuindo assim para redução de ações criminosas.

    Para um bom desempenho é fundamental que o Instalador tenha conhecimentos aprimorados na montagem e desmontagem dos equipamentos de segurança. Ter noções básicas de eletricidade, telefonia e de meios de transmissão de dados por meio de unidades de acesso, como: tecnologia XDSL, fibras ópticas, wireless e CATV.

    Muitos profissionais são autônomos e precisam emitir notas fiscais da prestação de serviços, principalmente os que trabalham para empresas, órgãos públicos e estabelecimentos comerciais. Para atender a esta necessidade, a formalização como MEI é uma opção viável, que traz também a tranquilidade de estar amparado pelos benefícios previdenciários, como: auxílio doença, salário maternidade, aposentadoria, entre outros, além de conseguir condições de compras melhores pelo fato de ter CNPJ. A formalização ocorre através da atividade de INSTALADOR DE EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA DOMICILIAR E EMPRESARIAL, SEM PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE VIGILÂNCIA E SEGURANÇA.

    Acesse os serviços da nossa plataforma e conheça o que a Dicas MEI tem para você e como pode auxiliar na formalização e no dia a dia como MEI.

    A forma de atuação ocorre através de maneira externa, em locais pré-determinados pelos clientes. O futuro MEI tem que verificar junto à Prefeitura se existem exigências a serem cumpridas para realização dos trabalhos. Para mais informações acesse a nossa dica: Consulta Prévia ou de Viabilidade à Prefeitura.

    Uma boa dica é conhecer a fundo os tipos de equipamentos de segurança mais usuais, com destaque para: câmeras de vigilância, inclusive com monitoramento de imagens pela internet; alarmes e sensores, tanto por zona como através da abertura de portas e janelas; cercas elétricas; botão de pânico; controle de acesso por biometria e porteiro eletrônico com vídeo.

    O mercado de trabalho é bem amplo e com muitas possibilidades, com destaque para atuar como prestador de serviços para empresas renomadas e lojas que comercializam equipamentos de segurança.

    Outra boa alternativa é fazer parcerias com empresas de construção civil e escritórios de arquitetura, que demandam os serviços durante as reformas, construção predial residencial e comercial, obras de grande, médio e pequeno porte.

    Para começar é importante ter equipamentos próprios de trabalho. Um bom kit profissional de ferramentas e acessórios são fundamentais e devem conter: chaves de fenda; alicates de corte e crimpagem; multímetro digital; desemcapador de terminais; ferro de solda e fita isolante; trenas; soquetes; lubrificantes; cabos e fios; arame ou fita de passagem “passa fios”; lanterna; buchas, parafusos e porcas diversos; entre outros.

    O valor inicial de investimento fica em torno de R$ 1.500,00 e não será um desafio a aquisição dos equipamentos e acessórios, pois são encontrados em lojas de ferragens e representantes especializados e costumam ser ofertados em kits que contém a maioria das ferramentas citadas.

    Outro ponto de extrema importância é a segurança no trabalho e o Instalador de Equipamentos de Segurança não pode medir esforços para se precaver, pois eventuais acidentes podem acarretar sérios danos à saúde. Alguns equipamentos de proteção individual (EPI) devem ser itens obrigatórios, como: luvas de borracha; calçados com solado de borracha; cintos de segurança para trabalhos em alturas superiores a 2 metros, com preferência para o tipo paraquedista; escada em madeira antiderrapante emborrachada; entre outros.

    Uma das qualidades primordiais para um bom trabalho é a dedicação. Apostar na capacitação e fazer cursos agrega diferenciação profissional, além de se manter atualizado com as novas técnicas, métodos, produtos e demandas que surgem todo momento. Uma boa prática é a leitura de colunas de jornais e revistas especializadas, fazer pesquisas sobre o tema desejado através da internet por meio de sites e blogs com profissionais renomados.

    Agora se você está pensando em ser um profissional diferenciado em relação ao mercado de atuação, procure prestar trabalhos personalizados com a necessidade de cada um dos clientes, estabeleça agenda com horários especiais que atenda o interesse deles. É fundamental estar disponível. Estas atitudes ampliam a possibilidade de captar novos serviços e ganhar a simpatia e fidelidade dos clientes. Pense nisto!

    Caso venha precisar de ajuda, você como MEI, pode contratar um funcionário e o ideal é que antes de iniciar os trabalhos, ele também passe por treinamentos e cursos.

Já no marketing do negócio, as redes sociais como: Facebook e Instagram são ferramentas importantíssimas e complementares para alavancar os serviços, principalmente pela facilidade de acesso e o baixo custo envolvido. Toda a publicação de conteúdo, imagens e textos, tem que ser bem avaliados e o cliente tem que perceber que as informações estão sendo úteis para ele. Coloque também depoimentos dos clientes e imagens dos serviços prestados. É fundamental solicitar a autorização prévia deles para publicação.

    A propaganda e publicidade dos serviços podem ser feitas também através da distribuição de panfletos e cartões de visita em locais com grande fluxo de pessoas e em centros com estabelecimentos comerciais. Devem ser considerados, anúncios em revistas, jornais de bairro e rádios comunitárias. Entretanto a divulgação “boca a boca” é a mais eficaz, o que aumenta a necessidade e importância pela qualidade dos serviços prestados, pontualidade e cordialidade, além é claro de ter um preço justo.

    Uma boa prática de gestão de relacionamento é montar o cadastro com os dados pessoais dos clientes, tipos de equipamentos de segurança, serviços já realizados e período para nova manutenção. Identifique também a melhor maneira de comunicação, se é por email, WhatsApp, telefone ou pessoalmente.

    Preste Atenção, casa você utilize veículo para se deslocar, aproveite para colocar adesivos com os dados da empresa no carro, deixando claro que você é Instalador de Equipamentos de Segurança e inclua o slogan “Pronto Atendimento”.